Foi Briguinha De Amor

Zé Tapera e Teodoro

Compositor: Aldair Teodoro Da Silva / Samuel Gervázio De Oliveira

Pedi um beijo, ela não me deu
Pedi um abraço, ela me negou
Chamei seu nome, não me respondeu
De tanta tristeza meus olhos chorou

Fiquei pensando no destino meu
E fui saindo meio devagar
E o que será que aconteceu?
Triste aborrecido peguei a pensar

Um companheiro que me viu chorando
Contei a história, ele me falou
- Não fique triste nem fique pensando
Isto foi apenas briguinhas de amor

Um companheiro que me viu chorando
Contei a história, ele me falou
- Não fique triste nem fique pensando
Isto foi apenas briguinhas de amor

No outro dia saí passeando
E pelas ruas com ela encontrei
Percebi logo que estava me olhando
Não resistindo também te olhei

Pedi licença pra sair com ela
Dar umas voltas lá pelo jardim
Acompanhei-a até na casa dela
Sorrindo pra ela e ela pra mim

Pediu desculpas do que aconteceu
Me abraçando com todo calor
Só mesmo assim eu pude acreditar
Que foi realmente briguinhas de amor

Pediu desculpas do que aconteceu
Me abraçando com todo calor
Só mesmo assim eu pude acreditar
Que foi realmente briguinhas de amor

©2003- 2018 lyrics.com.br · Aviso Legal · Política de Privacidade · Fale Conosco desenvolvido por Studio Sol Comunicação Digital